Quantidade de Páginas visitadas

Palestra com Conselho Municipal da Criança e Adolescente





No dia 10 de abril aconteceu nas dependências do Colégio Estadual Anita Canet palestra

sobre a rede de proteção de direitos da criança e do adolescente, onde estiveram presentes os alunos

do 9o ano, Professores, Funcionários, Membros da APMF, Conselho Escolar, Conselho Tutelar,

Documentadora Escolar, Coordenadora do Projeto Coala e pais de alunos.

A palestra foi organizada e ministrada pelo Presidente do Conselho Municipal da Criança e

do Adolescente (CMDCA) do Município de Jaguariaíva, Professor Francisco dos Santos Marcos,

que inicialmente falou sobre a importância do CMDCA, Conselho Tutelar e os Centros de

Referência de Assistência Social (CRAS e CREAS), explicando qual a finalidade de cada órgão e

suas atribuições.

A iniciativa da realização da palestra primeiramente é a preocupação das autoridades do

município com o alto índice de drogadição no interior das escolas e o objetivo almejado é a

tentativa de conscientização dos alunos dos riscos que as drogas causam no organismo e também

comportamentos que geram violências, desestruturando seu convívio na escola, na família e na

sociedade.

Também fez-se presente o médico psiquiatra Doutor Ricardo Mendes que falou sobre o

Centro de Atendimento Psico Social ( CAPS), o qual reforça o atendimento de pessoas portadoras

de dependências químicas e outras doenças relacionadas ao psico social. Esclarecendo que o

atendimento no CAPS é gratuito e mediante encaminhamento pelo Clinico Geral do SUS. O

tratamento funciona em sistema aberto sem necessidade de internação. O paciente é tratado através

de grupos de terapia e medicação.

As pessoas que precisarem de atendimento junto a esse órgão é só procurar o PS mais próximo e

solicitar encaminhamento.

Fez uso da palavra a Conselheira Tutelar Suzete Kubisse – falou sobre as infrações

cometidas pelos adolescentes, o uso abusivo de drogas no meio escolar, casos de pedofilia e abuso

sexual sofridos por crianças e adolescentes, solicitando a todos os presentes, que tenham

conhecimentos de casos, para não se omitir e denunciar, pois a denuncia é sigilosa e não haverá

comprometimento por parte do denunciante, podendo usar o disque denuncia “100” ou ligar

diretamente ao Conselho Tutelar.

Esclareceu também que o Conselho Tutelar é um órgão de proteção e ajuda ao menor

adolescente.

Entre os assuntos comentados também falaram sobre a “educação – fator importante,

respeito aos professores e colegas, entre outros.

Encerrando o Professor Francisco retomou a palavra, agradecendo aos presentes e encerrou com a

frase “O meu direito termina quando começa o do outro”, portanto, respeitar os colegas é

necessário, enfim, respeitar o próximo que é um dos valores que estão adormecidos e devem ser

recuperados,cultivados e valorizados.
















Validador

CSS válido!

Secretaria de Estado da Educação do Paraná
Av. Água Verde, 2140 - Água Verde - CEP 80240-900 Curitiba-PR - Fone: (41) 3340-1500
Desenvolvido pela Celepar - Acesso Restrito